Chaise Abauazi foto Tomas Vianna

Hugo França inaugura galeria em Trancoso e abre exposição de obras inéditas

Criada para receber exposições contemporâneas e de design, Galeria Hugo França será inaugurada em julho com mostra de obras inéditas

 

 

Um espaço, em meio à Mata Atlântica, para viver, respirar e inspirar arte.  Hugo França inaugura galeria em Trancoso, no dia 15 de julho, que abre suas portas recebendo a exposição “A escultura e o mobiliário na produção de Hugo França”, onde dezenas de obras diferentes dialogam e refletem pontos divergentes e convergentes, sempre com a natureza viva como elo principal.

O projeto é grandioso, como as obras do artista, e tem planos ainda maiores para o futuro. A Galeria Hugo França começou a sair do papel no último ano, quando a usual ponte aérea São Paulo-Trancoso deixou de ser parte da rotina e levou o artista a fazer do destino baiano sua morada. Quase como uma atividade terapêutica, a calmaria dos dias ensolarados ganhou agito com a idealização, detalhamentos e construção do espaço.

Instalado a 10 km do Quadrado, badalado ponto da região, em uma área de 50 mil metros quadrados, dos quais 20 mil são de pura Mata Atlântica, a localização faz da visita à galeria um verdadeiro circuito turístico, já que fica exatamente no entroncamento Trancoso, Caraíva e Porto Seguro.

O projeto, concebido por Hugo França, foi pensado com estética brutalista e formas geométricas para estabelecer um pano de fundo, tanto para a área externa que é cercada por uma vegetação exuberante, como para garantir a neutralidade da área interna. Com pé direito de 9 metros e 300 metros quadrados, o local traz grandes vãos abertos, onde luz, ventilação e natureza interagem.

 

Galeria Hugo Franca foto Tomas Vianna

 

Mas os planos vão ainda mais longe. Além de um formato independente de parcerias com outras galerias para receber mostras e artistas, futuramente, serão construídos chalés que servirão de abrigo para residências artísticas, tornando a Galeria Hugo França um hub de criação, arte e autoconhecimento.

 

“Mais do que um local de exposição, idealizei a galeria como um convite para uma experiência de arte. De um lado, as obras, de outro, a natureza que tanto me inspira. Também é possível fazer uma visita ao meu atelier e acompanhar parte do processo de criação, além de conhecer o local onde ficam as madeiras com as quais trabalho, verdadeiras relíquias que resgatamos com muito respeito e cuidado” – Hugo França.

 

Chaise Abauazi foto Tomas Vianna

 

“A escultura e o mobiliário na produção de Hugo França”

Em meio às formas, utilidades claras e inutilidades propositais, a mostra é um convite ao diálogo. “Essa exposição é uma oportunidade de colocar as pessoas frente a frente com esses dois universos criativos que estão muito presentes nas minhas obras”, explica Hugo França. “A funcionalidade de uma peça a torna um mobiliário, mas não a impede de protagonizar um ambiente com seu apelo escultórico. Uma escultura, aparentemente, não tem função, mas seria muita injustiça fazer essa afirmação, já que faz total diferença em uma ambientação” completa.

A inauguração da Galeria Hugo França e a visitação à exposição A escultura e o mobiliário na produção de Hugo França respeitarão as normas sanitárias e poderão ser feitas de segunda a sexta-feira, das 10h às 17h. Sábados e Domingos, mediante agendamento. Em julho, mês inaugural, as visitas também poderão ser conduzidas pelo próprio Hugo França, mediante agendamento.

 

Escultura Awape foto Tomas Vianna

 

 

A escultura e o mobiliário na produção de Hugo França

Abertura: 15 de julho, das 10h às 17h

Galeria Hugo França – Trancoso (BA)

Visitação: segunda a sexta, das 10h às 17h. Sábados e Domingos mediante agendamento (Dias 17/7 (sábado) e 18/7 (domingo) a galeria estará aberta.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Fonte: Guanaraba
Imagens: Tomás Vianna

Compartilhe este post

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no pinterest